VEJA ONDE COMPRAR

domingo, 21 de fevereiro de 2016

Cidades submarinas? Como será a vida dentro de 100 anos

Um grupo de arquitetos e cientistas sugere que a vida nas cidades daqui a cem anos pode envolver drones que carregam uma casa inteira, alimentos que podem ser "impressos" em casa, cidades submarinas e prédios gigantes e subterrâneos.Para especialistas, o fundo dos oceanos será um bom lugar para construir "cidades-bolhas"
Para especialistas, o fundo dos oceanos será um bom lugar para construir "cidades-bolhas"
Foto: Samsung/BBC Brasil
A equipe é formada por aquitetos da companhia SmartThings, que pertence à gigante de tecnologia Samsung, e professores da Universidade de Westminster, na Grã-Bretanha. E as previsões estão no relatório SmartThings Future Living Report.
De acordo com as previsões do relatório, em 2116 as pessoas poderão viver em "cidades-bolhas" submarinas, no fundo dos oceanos.
Nestas cidades no fundo do mar, haverá tecnologias de construção rápida e aviões não tripulados, segundo os cientistas.
"Vamos procurar melhores lugares para construir e fazer no fundo do mar faz muito sentido", disse à BBC Maggie Aderin-Pocock, cientista espacial e uma das autoras do estudo.
Aderin-Pocock explicou à BBC que viver nestas cidades no fundo do mar "será como viver em torres submarinas, cercadas de água".

Vida subterrânea

Cientistas afirmam que os arranhas-céus crescerão para cima e para baixo da terra
Cientistas afirmam que os arranhas-céus crescerão para cima e para baixo da terra
Foto: Samsung/BBC Brasil
No relatório, os especialistas também explicam como em apenas cem anos os arranha-céus poderão também ser construídos para baixo, avançando embaixo da terra com 25 andares ou mais no subsolo.
Aderin-Pocock afirmou que "necessitaremos de novos espaços para viver à medida que as cidades crescem".
A tecnologia de hologramas também terá avanços e as reuniões virtuais ficarão cada vez mais comuns.
Outra conclusão dos pesquisadores é que os drones vão se transformar em um novo meio de transporte. Na verdade, estas aeronaves serão utilizadas para carregar casas inteiras pelo mundo, o que os cientistas chamaram de "mulas" futuristas.
"Viajaremos pelo céu com nossos próprios drones pessoais e alguns serão tão potentes que poderão transportar casas inteiras pelo mundo todo quando sairmos de férias", afirmou a cientista britânica à BBC.
O relatório também prevê grandes avanços no uso de impressoras 3D. O progresso será tão grande que as pessoas não apenas vão fabricar objetos em casa, como móveis, por exemplo, mas também residências inteiras e até alimentos, que poderão ser "baixados" da internet em questão de segundos.
"Parece ficção científica, mas é algo que, de fato, está acontecendo agora", disse Aderin-Pococok.
"Recentemente houve uma exposição na China na qual foram construídas dez casas de um quarto cada uma em 24 horas usando apenas concreto e impressoras 3D", acrescentou.
Drones ganharão tamanho, potência e autonomia até para carregar uma casa inteira
Drones ganharão tamanho, potência e autonomia até para carregar uma casa inteira
Foto: Samsung/BBC Brasil
A cientista afirmou que a ideia, em relação a alimentos impressos, é que os usuários possam escolher os pratos dos melhores chefs e imprimir os alimentos em casa de acordo com sua dieta ou interesse.
"A revolução dos smart phones já marcou o começo da revolução da casa inteligente, que terá implicações muito positivas em nossa forma de viver", disse o responsável pela SmartThings na Grã-Bretanha, James Monighan.

Medicina e espaço

O relatório faz previsões tanto para a saúde individual como para viagens e colonização interplanetária.
Por exemplo: daqui a cem anos as pessoas poderão ter em casa dispositivos que confirmarão se elas estão mesmo doentes e fornecerão remédios ou entrarão em contato com um médico, se for necessário.
O relatório também sugere que o progresso na tecnologia espacial vai fazer com que seja possível para que os humanos iniciem colônias fora da Terra, "primeiro na Lua, em Marte e depois outros lugares mais além na galáxia".
"Há cada vez mais pessoas vivendo em grandes cidades e temos que conseguir gerenciar estas cidades no futuro", afirmou Aderin-Pocock.
"É questão de pensar de forma criativa e apresentar ideias originais. Pode ser que algumas destas ideias aconteçam e que outras não, mas é bom especular e pensar o que poderia acontecer", disse.
"Há dez anos a tecnologia das coisas era inconcebível. E nossas vidas hoje em dia são irreconhecíveis para quem viveu há um século."
Fonte: Portal Terra.

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Boa Saúde: Câmeras flagram ação de criminosos em agência dos Correios

Fonte: 190/rn
Imagens do circuito interno de segurança da agência dos Correios da cidade de Boa Saúde, foram divulgadas no fim da tarde de hoje, 11, na tentativa de facilitar a identificação dos autores de um assalto durante a manhã no local.
O assalto
A agência foi alvo da ação criminosa por volta das 11h quando dois homens, um de camisa branca e outro de azul, entraram no estabelecimento e realizaram o assalto.
Os suspeitos que chegaram à agência a pé roubaram dinheiro e uma motocicleta Honda Titan de cor preta e placa OJS-3278 pertencente a um segurança da agência.
A dupla fugiu em direção ao município de São Mateus e a quantia roubada não foi divulgada pelos Correios. A Polícia Militar (PM) segue realizando diligências para capturar a dupla.
CLIQUE AQUI E CONFIRA O VÍDEO

quinta-feira, 1 de maio de 2014

América-RN segura empate com Globo e é campeão potiguar

O América-RN é campeão potiguar. Jogando na Arena das Dunas, a equipe segurou o empate em 0 a 0 com o Globo, nesta quarta-feira, e assegurou mais um título estadual, uma vez que tinha vencido o jogo de ida por 2 a 1.
Jogadores do América-RN festejam o título do Campeonato Potiguar
Foto: Nuno Guimarães / Gazeta Press
Esta é a 34ª vez que o time alvirrubro levanta a taça do Campeonato Potiguar. O América-RN é o segundo maior vencedor da competição, que tem o ABC como maior campeão, com 52 conquistas.
O Globo, por sua vez, tentava um feito inédito. A equipe não chega à final do Potiguar desde 1962, quando ficou com um de seus três vice-campeonatos (ao outra final foi em 1961).
No duelo desta noite, o América-RN entrou em campo com a proposta de administrar o resultado. O Globo não conseguiu pressionar, mas chegou com perigo em algumas oportunidades, bem como o próprio time da casa.
No fim, as defesas acabaram sendo superiores aos sistemas ofensivos, segurando o zero no placar. Melhor para o América, que jogava pelo empate e ficou com o título.
FONTE: PORTAL TERRA.

sábado, 19 de abril de 2014

Praça de alimentação do Midway Mall é evacuada devido a incêndio

Publicação: 18 de Abril de 2014 às 19:23 | Comentários: 0
A+A-
As pessoas que estavam na praça de alimentação do Midway Mall durante o fim da tarde e início da noite desta sexta-feira (18) foram surpreendidas por um incêndio em um dos restaurantes do local. O fogo começou em um restaurante de comida oriental e a fumaça tomou conta do corredor de serviço, chegando também até as pessoas que estavam na praça. A área foi evacuada e o fogo controlado. Ninguém se feriu.

De acordo com relato dos lojistas, o fogo teria começado na cozinha do restaurante, quando um funcionário teria deixado uma frigideira no fogo e saído por alguns instantes. Ao voltar, o cozinheiro teria se deparado com o fogo já alastrado e teria pedido socorro.

A brigada de incêndio agiu rápido, retirando as pessoas que estavam na praça e combatendo o fogo dentro da loja. O piso do andar ficou molhando e o cheiro de fumaça era intenso, fazendo com que as pessoas fossem para outros andares do shopping ou para o estacionamento, onde ficaram aglomeradas várias pessoas.

Até as 19h20, a praça de alimentação estava fechada e estavam sendo tomadas as providências para a reabertura do local. O restaurante onde ocorreu o incêndio está fechado.

A reportagem da Tribuna do Norte tentou o contato por telefone com a administração do Midway Mall e com o restaurante onde ocorreu o incidente, mas as ligações não foram atendidas.

FONTE: TRIBUNA DO NORTE

sexta-feira, 18 de abril de 2014

Ao censurar Rachel Sheherazade, SBT sai como perdedor

Após polêmicas, SBT vetou comentários pessoais de Rachel Sheherazade.
Foto: Divulgação













Tão indesejável quanto a censura é a autocensura. O SBT acaba de amarrar uma mordaça no único nome que se destacava em seu pálido telejornalismo. Rachel Sheherazade não poderá mais emitir suas opiniões no SBT Brasil. Oficialmente, a decisão se estende a todos os âncoras da emissora. "Essa medida tem como objetivo preservar nossos apresentadores", diz a nota oficial enviada à imprensa. 
Na prática, a autocensura foi a maneira encontrada para manter a jornalista no ar e, ao mesmo tempo, acalmar as várias fontes que pediram sua cabeça. De partidos políticos a anunciantes governamentais, de anônimos nas redes sociais a humorista famoso. O politicamente correto venceu. O SBT e a liberdade de expressão foram os grandes derrotados.
Acusada de incitar a violência ao apoiar a atitude de pessoas que amarraram em um poste um adolescente suspeito de roubo, a apresentadora verbalizou o pensamento de milhões de pessoas. Porém vivemos numa extrema correção política. Assumir uma opinião polêmica pode render açoitamento moral. Foi o que aconteceu. Com histórico de pensamentos considerados conservadores e até reacionários, a apresentadora se ofereceu mais uma vez como alvo — e não faltaram mãos para chicoteá-la.





O direito de pensar diferente é uma das garantias da democracia. Se o pensamento está certo ou errado, se é criminoso ou não, discute-se em sociedade — e, se for o caso, recorre-se aos meios legais para punir eventuais excessos. Reprimir opiniões antes mesmo de serem emitidas não é a atitude mais produtiva de uma sociedade que se pretende civilizada e desenvolvida.
É óbvio que todo veículo de comunicação tem seus interesses comerciais, sua ideologia e, em muitos casos, até objetivos políticos. Porém a liberdade de expressão de seus jornalistas deveria sobrepor tudo isso. Ao abafar a voz de sua apresentadora, o SBT abre um precedente perigoso, e deixa de oferecer uma opinião alternativa ao telespectador. Por acaso, os 200 milhões de brasileiros pensam sempre da mesma maneira?
Rachel Sheherazade é, desde ontem, apenas mais uma leitora de teleprompter, o aparelho acoplado à câmera no qual se lê as notícias. Caso queira se posicionar diante de um acontecimento relevante, terá que recorrer à mímica facial. Ou será que ela será obrigada também a fazer cara de paisagem?
Fonte: `Portal TERRA

quarta-feira, 16 de abril de 2014

Viaduto não ficará pronto até a Copa

Haverá um viaduto inacabado no meio do caminho dos torcedores que querem assistir os jogos da Copa do Mundo na Arena das Dunas. A Prefeitura do Natal confirmou que o viaduto de 215 metros, na marginal da Salgado Filho/BR-101, ao lado da Arena das Dunas, não estará pronto até o início da Copa do Mundo, em junho deste ano. Três aberturas serão improvisadas sob o elevado. Parte dos pedestres terá que passar por baixo do viaduto para ter acesso à praça esportiva.

Alex RégisConstrução de viaduto, na BR-101, tem investimento de R$ 37,6 milhões. Último levantamento aponta 53% da estrutura erguidaConstrução de viaduto, na BR-101, tem investimento de R$ 37,6 milhões. Último levantamento aponta 53% da estrutura erguida

A manobra definida pela secretaria Municipal de Obras Públicas e Infraestrutura (Semopi) foi apresentada ontem pelo titular da pasta, Tomaz Neto, ao grupo responsável pelo esquema de segurança da Copa. As obras de mobilidade, aliás, sempre foram pauta de discussão entre os gestores ligados à Polícia Militar, Exército, Polícia Federal e demais órgãos envolvidos na questão. A definição de alguns Pontos de Verificação Veicular (PVVs) – barreiras de controle de acesso – estava condicionada ao andamento das intervenções urbanísticas.

FONTE: TRIBUNA DO NORTE

terça-feira, 15 de abril de 2014

Governo estima salário mínimo de R$ 779 para 2015

    Com estimativa de crescimento da economia de 3% e inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), em 5% para 2015, o governo encaminhou nesta terça-feira (15) ao Congresso Nacional, o Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias para 2015 (LDO-2015). Pelo projeto, o salário mínimo será reajustado em 7,71% e vai ficar em R$ 779,79 em 2015.

O governo estima que o superávit primário para o setor público consolidado será de R$ 143,3 bilhões, valor que corresponde a 2,5% do Produto Interno Bruto (PIB) - soma de todos os bens e serviços produzidos no país. Com o abatimento dos R$ 28,7 bilhões destinados ao Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), a meta do superávit primário fica em R$ 114,7 bilhões (ou 2% do PIB).

Superávit primário é a poupança para pagar os juros da dívida que o governo tem com outros países e outros credores. Na medida em que o país consegue alcançar as metas de superávits primários, indica que tem condições de pagar suas dividas.

A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) tem como principal finalidade orientar a elaboração dos orçamentos fiscais e da seguridade social e de investimento dos poderes Executivo, Legislativo, Judiciário, das empresas públicas e das autarquias.

Com a LDO, o governo estabelece as metas e prioridades da administração pública federal, incluindo as despesas de capital para o exercício financeiro do ano seguinte.  

A LDO tem de ser enviada pelo Executivo ao Congresso até 15 de abril e aprovada pelo Legislativo até 30 de junho. Se não for aprovada nesse período, o Congresso não pode ter recesso em julho. A aprovação da LDO é a base para elaborar o Projeto de Lei Orçamentária Anual (LOA), que deve ser apreciada pelo Congresso Nacional até agosto.

Como é lei, após sancionada, nenhum governante deve aumentar despesas, gastar mais do que está previsto na Lei Orçamentária ou criar novos impostos para o pagamento de suas  contas sem autorização do Legislativo.

Com a Lei de Responsabilidade Fiscal, a LDO passou a ter um papel importante na condução da política fiscal do governo, devendo estabelecer e indicar as metas fiscais a serem atingidas a cada exercício financeiro a que se refere.

FONTE: Agência Brasil